Anestesia de uma cirurgia de abdominoplastia

Alguns medicamentos serão administrados para o seu conforto durante o procedimento cirúrgico. As opções podem incluir: sedação intravenosa, anestesia geral,  anestesia peridural (onde é injetado uma solução de anestésico local entre as vértebras nas costas) ou anestesia geral. O médico cirurgião irá recomendar a melhor opção para você.

 Em geral, é utilizada a anestesia raqui ou peridural com sedação e não é necessário mais de um dia de internação no hospital. Para procedimentos mais complexos, que envolvem remoção de grandes quantidades de tecido, ou quando tem associação de outros procedimentos, como a lipoaspiração, usa-se anestesia geral dependendo da indicação do anestesiologista e cirurgião. 

Para uma abdominoplastia clássica ("completa") a anestesia local fica praticamente inviável devido à grande quantidade de anestésico local que seria necessária para o procedimento. Esta quantidade ultrapassaria em muito a dose máxima tóxica do anestésico local o que colocaria a vida do paciente em risco.
A anestesia local como qualquer outra anestesia possui seus riscos. A melhor anestesista é aquela indicado pelo anestesiologista de seu cirurgião plástico.

Lembre-se: toda cirurgia plástica deve ser realizada em hospital, por Cirurgiões Plásticos Especialistas da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e sempre sob assistência de um anestesiologista.