ACNE INVERSA – Você tem furúnculo de repetição ou que não se cura? Isso pode ser Hidradenite!

Este problema causa o aparecimento de caroços de tamanhos que variam desde uma ervilha até uma bola de gude sob a pele, que podem ser doloridos e tendem a crescer e secretar pus.

O nome pode ser complicado de pronunciar  e pouco falado, mas mais difícil será viver com as  consequências de uma Acne Inversa, doença de pele crônica que se manifesta por recorrentes nódulos geralmente situados nas virilhas, axilas, nádegas ou na zona submamária.

O intervalo entre crises, a associação dos sintomas a outros problemas ou mesmo a falta de um acompanhamento médico contínuo podem atrasar o diagnóstico durante anos. Decorre uma média de sete anos até que os doentes cheguem aos cuidados de um especialista que lhes indique o tratamento adequado. São anos a sofrer de um mal que se desconhece. Essa é uma doença complicada, crônica e recorrente, surgem nódulos em áreas como as virilhas ou axilas que infectam e que purgam um líquido, como se fossem abcessos recorrentes nestas áreas. Em casos menos graves, cicatrizam e voltam mais tarde a surgir. Nas manifestações mais severas, as lesões tornam-se fístulas contínuas e purulentas, que não fecham.

A primeira aparição dessa doença nos registros médicos foi em 1939, há 79 anos atrás.

Essa condição acomete mais mulheres do que homens, de 3 a 4 mulheres que possuem essa doença 1 homem apresenta essa condição.

Os nomes usados nesta doença são?

Acne Inversa /Hidradenite Supurativa / Hidradenite  / Hidrosadenite /

Acne Inversa

Estudos mais recentes sugerem a mudança do termo Hidradenite para Acne Inversa justificando que a hidradenite não seria uma inflamação das glândulas sudoríparas apócrinas e sim uma oclusão dos folículos pilosos, como acontece com a acne (que é um condição de pele que ocorre quando os folículos capilares são obstruídos por óleo e células mortas da pele).

O que é Acne Inversa?

A hidradenite supurativa atualmente também chamada de acne inversa é uma doença de pele  inflamatória e crônica, ela é caracterizada pela presença recorrente de lesões como nódulos e  caroços dolorosos na pele, muitas vezes confundido com furúnculos, podendo evoluir para cicatrizes quando estouram é onde então liberam uma secreção com aspecto de pus e com odor muito ruim, podendo formar túneis ou canais (fístulas) que conectam os caroços por baixo da pele. Ela acomete essencialmente as regiões onde a pele fica em constante fricção, como as axilas, a região entre as nádegas, as virilhas e sob os seios.

A acne inversa costuma afetar muito mais mulheres do que homens e pode ocorrer em qualquer idade, mas é mais comum na fase da puberdade é mais comum aparecer nas axilas, na virilha, sob os seios e entre as nádegas.

A recorrência desta doença pode diminuir por volta dos 55 anos de idade. Ela atinge cerca de 1% da população global, onde aproximadamente 250 mil casos foram diagnosticados no Brasil.

Sintomas da Acne Inversa

Os principais sinais e sintomas de Acne Inversa são:

  • Nódulos na pele, que parecem "espinhas internas" ou "furúnculos";
  • Dor e sensibilidade no local das lesões;
  • Depois que se rompem, os nódulos demoram vários dias para cicatrizar;
  • Podem persistir cicatrizes permanentes após o desaparecimento dos nódulos;
  • Formam fístulas ou túneis (canais) sob a pele por baixo dos caroços;
  • Inflamação da pele com caroços de vários tamanhos ou cravos;
  • Vermelhidão intensa no local afetado;
  • Dor e sensibilidade no local das lesões;
  • Nódulos persistentes e doloridos, que podem durar por semanas ou meses;
  • Nódulos que aumentam de tamanho;
  • Cicatrizes permanentes após o desaparecimento dos nódulos;

Em alguns casos, os caroços podem romper e liberar pus, provocando o surgimento de mau cheiro no local, além de causar mais dor.

Os caroços podem demorar várias semanas e até meses para desaparecer, sendo maiores e mais dolorosos em pessoas com excesso de peso, estresse constante ou que estão num período de grandes alterações hormonais, como puberdade ou gravidez.

Onde se manifestam as lesões da Acne Inversa?

Em áreas onde existem glândulas apócrinas (glândulas sudoríparas em região com muitos folículos pilosos), como nas axilas e virilhas e em áreas de fricção da pele, como por exemplo sob a mama, nas nádegas e na parte interna das coxas.

As regiões típicas, comuns da hidradenite são:

  • As regiões de dobras;
  • Axilas;
  • Inguinal (acima da virilha);
  • Genitais (virilha, bumbum);
  • Intermamária
  • Inframamária (seios, peito);
  • Umbigo;

Podem também ocorrer a Hidradenite ectópica Que são regiões que não são comuns na Hidrosadenite.

A região mais frequente nos homens é o eixo axilo-mamário e nas mulheres a região inguino-genital (93%).

Como é a Acne Inversa?

O diagnóstico precoce e o tratamento adequado da hidradenite supurativa ajudam a controlar melhor os sintomas, muitas vezes prevenindo o desenvolvimento de novas lesões.

A Acne Inversa é uma doença

  • Crônica
  • inflamatória
  • Recorrente
  • Dolorosa
  • Acomete o folículo piloso
  • Geralmente surge após a puberdade.

Ela forma

  • Lesões
  • Nódulo
  • Abscessos
  • Inflamam periodicamente

As pessoas podem ter:

Na pele: erupções, erupções cutâneas que se parecem com acne, nódulos, pequena saliência ou úlceras.

Também comum: abscesso, mau cheiro, coceira, cravo, inchaço ou pus.

Porque ocorre? Quais são as causas?

Ninguém sabe com certeza o que causa o Acne Inversa. Porque ocorre após a puberdade, os hormônios provavelmente desempenham um papel. O sistema imunológico da pessoa também parece desempenhar um papel.

A causa exata não é clara. Os poros da pele bloqueados e os folículos capilares são o principal fator contributivo. Um sistema imune hiperativo e alterações hormonais no corpo são outras causas possíveis.

É possível que HS se desenvolva quando o sistema imunológico da pessoa reage em excesso. A hidradenite começa nos folículos pilosos (onde o cabelo cresce fora da pele). Como a acne diária, Hidrosadenite se forma quando os folículos pilosos obstruem bactérias e outras substâncias. É possível que a doença se desenvolva em pessoas que possuem um sistema imunológico que reage de forma exagerada ao folículo piloso plugado.

O estilo de vida também parece desempenhar um papel. Parece que fumar, estar com excesso de peso pode desencadear HS. Essas coisas não causam a Acne Inversa. Se uma pessoa é susceptível de obter o HS, qualquer um destes pode fazer o HS aparecer pela primeira vez ou piorar a hidradenite existente.

Embora a causa exata ainda seja desconhecida, os médicos aprenderam o seguinte ao estudar a acne inversa:

  • Não é contagioso.
  • A má higiene não causa HS.
  • Cerca de um terço das pessoas que desenvolvem HS têm um parente de sangue que possui a HS.

 

Fatores ambientais podem causar essa doença?

O maior fator de risco para hidradenite supurativa é ser mulher, uma vez que o problema é muito mais comum nelas do que nos homens. Outros fatores que parecem contribuir para o desenvolvimento da Acne Inversa são:

  • Período da puberdade, ou adolescência, pelo balanço de hormônios
  • Depilação
  • Obesidade por ocorrer muita fricção da pele
  • Tabagismo
  • Ter histórico familiar de Hidrosadenite supurativa.

Quem tem Acne Inversa?

A acne inversa pode ocorrer em pessoas de todas as etnias e todas as idades, mas pode ser mais comum em mulheres, afro-americanos e jovens adultos. Foi associado à obesidade e ao uso do tabaco, e os pacientes são encorajados a perder peso e parar de fumar. Pode ocorrer com outros distúrbios do folículo piloso, como acne conglobata (uma forma grave de acne), cistos pilonidais (geralmente ocorrem na parte inferior das costas e área das nádegas) e celulite dissecadora (perda severa de cabelo com cicatrização do couro cabeludo). Também pode haver associação com doença inflamatória intestinal. A acne inversa afeta significativamente a vida dos pacientes. Os pacientes com acne inversa demonstraram taxas de depressão alta.

Complicações possíveis

A Acne Inversa persistente e grave geralmente causa complicações, incluindo:

  • Infecção. A área afetada é suscetível à infecção.
  • Cicatrizes e alterações na pele. As feridas podem se curar, mas deixam cicatrizes semelhantes a cordas, pele em pedaços ou manchas de pele que são mais escuras do que o normal.
  • Movimento restrito. As feridas e cicatrizes podem causar movimentos limitados ou dolorosos, especialmente quando a doença afeta as axilas ou as coxas.
  • Drenagem linfa obstruída O tecido cicatricial pode interferir com o sistema de drenagem linfática, o que pode resultar em inchaço nos braços, pernas ou órgãos genitais.
  • Isolamento social. A localização, drenagem e odor das feridas podem causar constrangimento e relutância em sair em público, levando a tristeza ou depressão.
  • Câncer. Raramente, os pacientes com hidradenite supurativa avançada podem desenvolver carcinoma de células escamosas na pele afetada.

Além disso, há diversas condições de saúde que estão relacionadas à Acne Inversa, dentre elas:

  • Artrite;
  • Tumor;
  • Acne severa;
  • Doença de Crohn;
  • Depressão.

Prevenção

Não há uma forma clara de prevenção da Acne Inversa, mas algumas medidas podem contribuir para o tratamento e para evitar a reativação da doença. Dentre elas:

  • Higiene local;
  • Evite o antitranspirante e desodorante, ou prefira usar de sabonetes antissépticos e desodorantes não irritantes para a pele;
  • Aplicação de compressas quentes com solução de cloreto de sódio;
  • Uso de roupas confortáveis;
  • Depilação à laser;
  • Descontinuação do tabagismo.

O suor e a água remanescente na área afetada podem piorar essa doença da pele. Então, faça todas as medidas possíveis para manter a área livre de qualquer umidade.

Quando eu sei que tenho Acne Inversa?

Casos de nódulos e abscessos isolados não configuram hidradenite, porém se em 6 meses acontecerem de 2 a 3 episódios e for em uma localização típica ai você deve procurar um médico para ter o diagnóstico.

Não existe nenhum diagnóstico laboratorial, ou seja não tem nenhum exame que você possa fazer que vai dar o diagnóstico de Hidrosadenite.

Alguns médicos podem fazer a ultrassonografia para ver a extensão das lesões, mas o que é mais comum é o exame clínico, onde o médico vai procurar saber com você desde quando acontece, como, onde, essas perguntas básicas, para entender seu histórico, além de avaliar suas lesões, examinar seu corpo e assim fica sabendo sobre os episódios que aconteceram com você e assim ele vai te dar um diagnóstico clínico.

Quando procurar um médico especialista em Acne Inversa?

A detecção precoce da Acne Inversa é fundamental para obter um tratamento efetivo. Consulte o seu médico se você tiver:

  • Nódulos doloroso;
  • Que não melhoram em algumas semanas;
  • Ou que retornam em semanas;
  • Nódulos que aparecem em vários locais;
  • E que possui uma recorrência frequente.

Se você já recebeu um diagnóstico de hidradenite supurativa, tenha em mente que os sinais de alerta de um alargamento da doença (recorrência) são frequentemente semelhantes aos que ocorreram originalmente. Também preste atenção a quaisquer novos sinais ou sintomas. Estes podem indicar uma recorrência ou uma complicação do tratamento.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando os sintomas começaram?
  • Com que frequência você tem esses sintomas?
  • Os sintomas são contínuos ou ocasionais?
  • Há alguma medida que ajude a amenizar os sintomas? Qual?

Também é importante que você leve suas dúvidas para o consultório por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você não sairá da consulta esquecendo de falar das suas dúvidas.

Especialistas que melhor podem diagnosticar acne inversa são:

Cirurgião geral: Realiza uma série de cirurgias no abdômen, pele, mamas e tecidos moles.

Dermatologista: Concentra-se em doenças da pele, unhas e cabelo.

Proctologista: (no caso de lesões nas regiões das virilhas, nádegas ou ao redor do ânus).

Cirurgião plástico: Reconstrói partes do corpo com problemas, feridas ou ausentes.

Diagnóstico de Acne Inversa

O diagnóstico é principalmente clínico, não existe teste patognomônico, e a biópsia raramente é necessária, especialmente em lesões bem desenvolvidas.

O diagnóstico pode se dar a partir da consulta completa com o médico especialista, que tenha experiência na doença, como já dissemos vai se iniciar com uma detalhada conversa e também com exame físico. Saber do histórico das lesões e dos pormenores de cada paciente é fundamental para o diagnóstico ser feito, pois muitas vezes ele é difícil. Não é raro o paciente ter de voltar novamente ao médico para que o diagnóstico seja realizado, pois a observação do comportamento das lesões, e seu ocorrentes aparecimentos e desaparecimentos são fatores de crucial importância. Se o especialista achar necessário, ele ainda poderá solicitar alguns exames, mas nem sempre isso é necessário.

Tratamentos

O tratamento da Acne Inversa pode ser através de medicamentos, injeções de corticoide e, às vezes a cirurgia pode ajudar a controlar os sintomas.

Medicamentos

É importante ressaltar que os medicamentos expostos aqui são os mais comumente usados para tratar Acne Inversa, mas apenas o médico que está acompanhando o paciente poderá prescrever essas ou outras medicações, assim como combinações de remédios indicados para seu caso clínico. A automedicação atrapalha o tratamento, pode piorar os sintomas e interfere no diagnóstico correto.

Entre os medicamentos orais, podem ser utilizados:

  • Alguns antibióticos
  • Alguns anti-inflamatórios, como os corticosteróides
  • Imunossupressores
  • Imunobiológicos.

Quando a cirurgia é indicada na Acne Inversa?

Se após os tratamentos clínicos não houver melhoras na acne inversa, a cirurgia pode ser  indicada. Dependendo da área e tamanho da lesão, podem ser realizadas desde uma incisão e drenagem do nódulo até cirurgias maiores, então nos casos mais graves, em que os sintomas são mais intensos e existe inchaço exagerado, infecção ou formação de canais, o médico pode ainda aconselhar a cirurgia para remover os caroços e a pele afetada. Nestes casos, é preciso fazer um transplante de pele, que normalmente é retirada de outros locais do corpo.

A Acne Inversa tem cura?

Não há cura para a hidradenite supurativa, que é recorrente e persistente. Iniciar um tratamento precoce com um especialista pode ajudar a controlar os sintomas, evitando novas lesões e impedindo a formação de cicatrizes.

A Acne inversa é infecciosa?

Apesar de não existir uma causa definitiva para a doença, existe um consenso entre a comunidade médica de que a hidradenite supurativa (Acne Inversa) não é infecciosa, ou seja, não é provocada por uma infeção nem está relacionada com a falta de higiene (uma ideia comum mas erradamente ligada ao aparecimento da HS).

Mitos da Acne Inversa

  • Algumas pessoas erroneamente acham que essa doença das glândulas sudoríparas, mas na verdade é uma inflamação no folículo Piloso.
  • Muitas pessoas acreditam que essa doença se manifesta em pessoas acima do peso, o que é uma inverdade, o que realmente acontece é que a fricção na pele pode ocasionar a manifestação da doença.
  • Também não é uma doença que só acomete as mulheres, homens também apresentam essa doença porém em número menor.
  • A perda de peso não irá curar a hidradenite, o que pode ocorrer é a redução de recorrências, devido a redução de fricção da pele.