Instituto Wanna

Problemas causados por mamas volumosas

Apesar da procura das mulheres em aumentar o tamanho dos seios ser muito grande, algumas mulheres sofrem muito com mamas volumosas demais pois podem apresentar problemas e incômodos relacionados aos seios fartos.

O crescimento excessivo das mamas é chamado de hipertrofias mamárias.

Nas mulheres, a hipertrofia mamária pode ser classificada em quatro graus de acordo com o tamanho e peso excessivo das mamas. Nos estágios mais avançados, recebe o nome específico de gigantomastia. Entre as causas da deformidade, que ainda não foram rigorosamente estabelecidas, estão obesidade, distúrbios glandulares, diabete, gravidez, menopausa e hereditariedade.


 

Além do comprometimento estético pode ocorrer problemas físicos como dores nas costas, nos ombros e no pescoço por causa do peso dos seios grandes demais, isto porque o peso da parte da frente do corpo é suportado pela coluna, outros fatores negativos que os seios grandes podem causar são a perda de sensibilidade nas mamas, a dificuldade para dormir, estrias na região e até mesmo problemas de pele causadas pelo excesso de suor além de ser muito difícil a prática de exercícios físicos.

Seios muito grandes ainda podem causar problemas graves de coluna que podem ser irreversíveis se não forem corrigidas. O tamanho desproporcional das mamas força a mulher a curvar ombros e coluna, prejudicando a postura e ocasionando dores. Feridas nos ombros não são incomuns, devido ao sutiã que segura o peso das mamas.

É sempre indicado que a mulher procure o especialista para amenizar os problemas que o tamanhos dos seios causam, melhorando assim a questão física e a autoestima.